10 de julho de 1980

Revista ihu on-line

China, nova potência mundial – Contradições e lógicas que vêm transformando o país

Edição: 528

Leia mais

Ore Ywy – A necessidade de construir uma outra relação com a nossa terra

Edição: 527

Leia mais

Sistema público e universal de saúde – Aos 30 anos, o desafio de combater o desmonte do SUS

Edição: 526

Leia mais

China, nova potência mundial – Contradições e lógicas que vêm transformando o país

Edição: 528

Leia mais

Ore Ywy – A necessidade de construir uma outra relação com a nossa terra

Edição: 527

Leia mais

Sistema público e universal de saúde – Aos 30 anos, o desafio de combater o desmonte do SUS

Edição: 526

Leia mais

China, nova potência mundial – Contradições e lógicas que vêm transformando o país

Edição: 528

Leia mais

Ore Ywy – A necessidade de construir uma outra relação com a nossa terra

Edição: 527

Leia mais

Sistema público e universal de saúde – Aos 30 anos, o desafio de combater o desmonte do SUS

Edição: 526

Leia mais

Mais Lidos

  • Enquanto pastores evangélicos apoiam Bolsonaro, cúpula católica lava as mãos. Artigo de Juan Arias

    LER MAIS
  • Quem pode nos livrar de Bolsonaro. Artigo de Antonio Martins

    LER MAIS
  • PT deveria realizar 'comissão da verdade' para examinar seus erros, diz Noam Chomsky

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

10 Julho 2018

Faustino Villanueva. Guatemala,+1980.

 

Pe. Faustino Villanueva, missionário espanhol do Sagrado Coração, de 50 anos. Vinte anos trabalhou no serviço pastoral na Guatemala, especificamente entre os indígenas de El Quiché. Mártir al servicio del pueblo indígena quiché, Guatemala, acribillado en su despacho parroquial por ser dessa Igreja que defende os pobres e marginalizados

Foi assassinado no dia 10 de Julho de 1980 por dois homens armados que o procuraram após a missa.

Crivado de balas no seu próprio escritório paroquial. Não foi permitido aos fiéis recolher o cadáver que foi entregue em Chichicastenango

Faustino morreu por sua entrega aos indígenas, que são de fato os marginalizados da sociedade guatemalteca. Assassinado por ser dessa Igreja que defende os pobres e marginalizados.

 

Texto elaborado por Tonny, da Irmandade dos Mártires da Caminhada em http://irmandadedosmartires.blogspot.com/2018/07/galeria-dos-martires-pe-faustino.html

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

10 de julho de 1980 - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV