Produção de carvão proveniente de florestas plantadas cresce 23,5% em 2012

Revista ihu on-line

Bioética e o contexto hermenêutico da Biopolítica

Edição: 513

Leia mais

Revolução Pernambucana. Semeadura de um Brasil independente, republicano e tolerante

Edição: 512

Leia mais

Francisco Suárez e a transição da escolástica para a modernidade

Edição: 511

Leia mais

Mais Lidos

  • Mantido o ritmo atual, Brasil levará 200 anos para levar ensino médio a todos os jovens, mostra pesquisa

    LER MAIS
  • Para fiscal, só falta dizer que é preciso ter correntes para definir trabalho escravo

    LER MAIS
  • 'Sobram evidências de que o governo está do lado de quem explora o trabalho escravo e não de quem é explorado'

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

07 Dezembro 2013

A Produção da Extração Vegetal e da Silvicultura 2012 (Pevs) 2012 mostra que a produção de carvão da silvicultura subiu 23,5% e a de lenha, 9,7% no ano passado. Dos produtos madeireiros da silvicultura, constantes da pesquisa, apenas a madeira em tora para papel e celulose teve queda na produção (2,6%).

A reportagem é de Nielmar de Oliveira, publicada Agência Brasil – EBC, 05-12-2013.

Por outro lado, os dados divulgados hoje (5) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que a produção de carvão e lenha provenientes da extração vegetal continua em baixa – carvão vegetal (-14,2%), lenha (-8,7%) e nó-de-pinho (-2,8%). Entre os produtos madeireiros do extrativismo vegetal com alta na produção, aparecem apenas a madeira em tora (5,2%) e o número de árvores abatidas do pinheiro brasileiro nativo (14,6%).

As incertezas na demanda industrial, a disponibilidade de mão de obra para a coleta de determinados produtos e a atuação de órgãos fiscalizadores – que liberam áreas para agricultura, aplicam multas e fecham serrarias e carvoarias – explicam em grande parte a queda na produção extrativista, segundo o IBGE.

O levantamento aponta a Região Sudeste como responsável por 87,3% de toda a produção de carvão vegetal, 40,8% da madeira em tora para papel e celulose, 25,8% da lenha e por 34,6% da madeira em tora para outras finalidades produzidas no Brasil em 2012. A Região Sul respondeu por 64,8% da lenha, 30% da madeira em tora para papel e celulose e 58,8% da madeira para outras finalidades.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Instituto Humanitas Unisinos - IHU - Produção de carvão proveniente de florestas plantadas cresce 23,5% em 2012