Um dos maiores gestores do mundo alerta: o risco de mercado é mais alto desde o pré-crise de 2008

Revista ihu on-line

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

No Brasil das reformas, retrocessos no mundo do trabalho

Edição: 535

Leia mais

No Brasil das reformas, retrocessos no mundo do trabalho

Edição: 535

Leia mais

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

No Brasil das reformas, retrocessos no mundo do trabalho

Edição: 535

Leia mais

Mais Lidos

  • O Vaticano levanta definitivamente o veto a Gustavo Gutiérrez

    LER MAIS
  • Cardeal Müller: documento vaticano sobre a Amazônia contém heresia e estupidez. “Não tem nada a ver com o cristianismo”

    LER MAIS
  • A história dos 13 agricultores presos por Moro e depois absolvidos

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

14 Junho 2017

Um dos maiores gestores do mundo, Bill Gross, da Janus Capital, junta-se ao coro dos especialistas que veem com pessimismo o rali das bolsas americanas. Para ele, o risco de mercado nos Estados Unidos é o maior desde o pré-crise de 2008 e os investidores estão pagando um preço muito caro pelos riscos que estão tomando.

"Ao invés de comprarem na baixa e venderem na alta, eles estão comprando caro e cruzando os dedos", disse o guru dos mercados de bonds, que administra US$ 2 bilhões na Janus Capital, durante a conferência Bloomberg Invest New York na última quarta-feira.

A informação é publicada por InfoMoney, 08-06-2017.

Para ele, as políticas monetárias dos bancos centrais para taxas de juros baixas ou negativas estão elevando artificialmente os preços dos ativos, criando pouco crescimento na economia real punindo os poupadores individuais, bancos e companhias de seguros. Nos últimos anos, Gross comentou periodicamente sobre um colapso financeiro, prevendo que os excessos da Reserva Federal e seus pares em breve alcançarão ações e títulos.

O alerta de Gross vem na esteira dos comentários do célebre investidor suíço Marc Faber, que, no início desta semana, disse que o mercado americano está no meio de uma gigantesca bolha e no dia em que ela estourar investidores vão perder metade de suas aplicações.

Para Faber, um dos principais sinais sobre a mudança do humor do mercado virá do lado da volatilidade, citando que "estranhamente" o índice VIX está em um patamar muito baixo, registrando em maio uma média mensal de 10,89 - a menor desde novembro de 2006.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Um dos maiores gestores do mundo alerta: o risco de mercado é mais alto desde o pré-crise de 2008 - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV