Secretário de Segurança do Estado entrega cargo e Sartori anuncia criação de Gabinete de Crise

Revista ihu on-line

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

No Brasil das reformas, retrocessos no mundo do trabalho

Edição: 535

Leia mais

Mais Lidos

  • A Igreja é contra a Reforma da Previdência

    LER MAIS
  • A justiça social é mais importante para evitar doenças mentais do que medicamentos, afirma relator de saúde da ONU

    LER MAIS
  • Governo autoriza 42 novos agrotóxicos e somando 239 registros no ano

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

26 Agosto 2016

Em nota oficial publicada na noite desta quinta-feira (25), o Governo do Estado do Rio Grande do Sul comunicou que Secretário da Segurança Pública, Wantuir Jacini, pediu exoneração do cargo.

A informação foi publicada por Portal Uol, 25-08-2016.

A nota informa ainda que o governador José Ivo Sartori anunciou a criação de um Gabinete de Crise para tratar do problema da segurança pública. O gabinete será coordenado pelo vice-governador José Paulo Cairoli e responderá pela área até a nomeação de um novo secretário.

A decisão ocorre horas depois do assassinato de Cristine Fonseca Fagundes, de 44 anos, morta durante tentativa de assalto quando ia buscar o filho em frente ao Colégio Dom Bosco, no bairro Higienópolis, em Porto Alegre. O crime brutal motivou um protesto em frente ao prédio onde mora o governador, na zona Sul da Capital.

Na nota, a equipe do governo do Estado afirma se solidarizar com os familiares das vítimas da criminalidade e que as forças de Segurança estão mobilizadas para prender os autores do crime e continuar apurando os fatos.

O Gabinete de Crise fará sua primeira reunião nesta sexta-feira (26), às 8h, no Palácio Piratini.

Veja abaixo, na íntegra, o conteúdo da nota:

O governo do Estado informa que o dr. Wantuir Jacini pediu exoneração do cargo de Secretário da Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Sul. O governador José Ivo Sartori acabou de constituir um Gabinete de Crise, que será coordenado pelo vice-governador José Paulo Cairoli. Enquanto não for nomeado o novo secretário, esse Gabinete responderá pela área.

A equipe do governo do Estado se solidariza com os familiares das vítimas da criminalidade, especialmente de Cristine Fonseca Fagundes, assassinada violentamente nesta quinta-feira. A situação entristece a todos nós. As forças de Segurança estão mobilizadas para prender os autores do crime e continuar apurando os fatos.

O governador convocou todo o comando da Segurança Pública para uma reunião amanhã, sexta-feira (26), às 8h, no Palácio Piratini, para tratar de novas providências e ações na área. Depois da reunião, o governador fará uma manifestação à população e a equipe da Segurança atenderá à imprensa.

O governador agradece ao secretário Jacini pelos serviços prestados, por quem nutre alto apreço pessoal por suas virtudes profissionais e morais.

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Leia mais...

Acordo de Sartori com Temer pode destruir serviço público no RS, alertam sindicatos

“Só polícia não resolverá os problemas de segurança pública”. Entrevista especial com Renato Sérgio de Lima

O RS não possui política de segurança pública. Revista IHU On-Line, n 293.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Secretário de Segurança do Estado entrega cargo e Sartori anuncia criação de Gabinete de Crise - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV