1º domingo da Quaresma - Ano B - Convertei-vos e crede no Evangelho

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “O risco que eu estou correndo é cada vez maior, e a responsabilidade vocês sabem de quem é”, denuncia padre Júlio Lancellotti

    LER MAIS
  • A nova encíclica de Francisco nascida do diálogo com o Islã e do Covid. Artigo de Alberto Melloni

    LER MAIS
  • Padre Julio Lancellotti recebe novas ameaças após ataques virtuais de deputado

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: MpvM | 16 Fevereiro 2018

O Reino que é o resgate de todo projeto primeiro de inclusão, de reciprocidade, da imagem e semelhança de Deus. Nesse resgate, no anúncio do Reino, Jesus também vai estabelecer novas relações, e vai (assim é o evangelho de Marcos) se mostrando, se revelando como Filho de Deus na história: a personificação da plenitude da vida na pessoa de Jesus Cristo. E o reino proclamado, anunciado, é o Reino de um projeto que inclui, de um projeto de solidariedade, que exige o entrelaçamento das culturas, requer a abundância da vida para os pobres, para o meio ambiente.

A reflexão é de Ir. Maria Freire da Silva, religiosa da Congregação das Irmãs do Imaculado Coração de Maria. Ela possui graduação e mestrado em Teologia pela Pontifícia Faculdade de Teologia Nossa senhora da Assunção e doutorado em Teologia Dogmática pela Pontifícia Universidade Gregoriana. Atualmente é professora no Programa de Pós-Graduação em Teologia da PUC-SP. Recentemente foi eleita coordenadora da Província Nossa Senhora de Guadalupe, de São Paulo.

Referências bíblicas
1ª Leitura – Gn 9,8-15
Salmo 24 (25)
2ª Leitura – 1 Pe 3,18-22
Evangelho – Mc 1,12-15

Estamos iniciando o período quaresmal. A liturgia do primeiro domingo  da quaresma, através do texto bíblico - Gn 9,8-15, nos apresenta o símbolo da Aliança e nos traz o compromisso da fidelidade de Deus para com seu povo. "Eis que eu estabeleço minha Aliança convosco". Aliança em sinal de graças, de bênçãos. A Aliança é a garantia do futuro da humanidade e de toda criação. A aliança se realiza entre Deus e Noé, seus descendentes, e toda a terra. Deus mostra uma dinâmica inter-relacional na Casa Comum. O dilúvio representa o caos, a negação do Projeto de Deus. Para resgatar o projeto de inclusão, de solidariedade, de beleza cósmica e humana, é necessário, portanto, estabelecer novas relações, as quais devem ter como fio condutor a Aliança. Dessa forma se garante, através da unidade das cores do arco-íris, a vida da criação na sua totalidade. Toda casa comum é dançante, valsante e respeitada num grande louvor para o seu Criador.

O Evangelho - Mc 1, 12-15 - apresenta o início do ministério de Jesus, onde traz presente o dinamismo do Espírito, impelindo Jesus para o deserto. O deserto é o espaço da descentralidade de si mesmo, lugar da purificação; do confronto de projetos: o Projeto de Deus e o projeto de uma sociedade que não respeita a Aliança com seu Criador. O deserto é lugar de discernimento e da sabedoria; de assumir novas posturas, de tomadas de decisão.

Vivendo essa experiência, na condução do Espírito, a Ruah divina, Jesus solidifica a sua experiência de Deus e vem à Galileia para anunciar o cumprimento do tempo. E, nesse anúncio, Jesus vai proclamar a vinda do Reino de Deus. O Reino que já chegou na pessoa de Jesus Cristo, mas um Reino que virá, que tem o seu aspecto escatológico. O Reino que é o resgate de todo projeto primeiro de inclusão, de reciprocidade, da imagem e semelhança de Deus. Nesse resgate, no anúncio do Reino, Jesus também vai estabelecer novas relações, e vai (assim é o evangelho de Marcos) se mostrando, se revelando como Filho de Deus na história: a personificação da plenitude da vida na pessoa de Jesus Cristo. E o reino proclamado, anunciado, é o Reino de um projeto que inclui, de um projeto de solidariedade, que exige o entrelaçamento das culturas, requer a abundância da vida para os pobres, para o meio ambiente. E, por isso, sendo Jesus a verdadeira Aliança que Deus fez conosco, Jesus que vai lembrar, em momento posterior, que o seu sangue derramado é o sangue da Nova e Eterna Aliança!

É nesse momento de quaresma que somos convocados/convocadas a uma reflexão do resgate verdadeiro do projeto primordial de Deus, do resgate de uma sociedade que respeita as diferenças, mas que vive na comunhão a unidade de toda uma diversidade que é o mundo, que é a casa comum que é o nosso país, Brasil, que vive um momento de caos, que precisa ser resgatado: toda intenção primeira de Deus, do ser humano como imagem e semelhança, do ser humano vivendo o inter-relacionamento consigo mesmo, com o outro e com a criação.

A Igreja é convidada, hoje, a sair, como diz o papa Francisco, a anunciar que o Reino de Deus está entre nós, mas que é necessário um descentramento de nós mesmos, para que o Reino seja visto, para que a Aliança jamais seja rompida, porque nós somos herdeiros e herdeiras de um Projeto criacional de vida em abundância. Nós somos herdeiros e herdeiras de uma Aliança que não se rompe. Porque nós somos parte nesse pacto de Deus para conosco; interagimos com Ele, assim como Ele interage conosco. Que possamos viver na vida da Igreja, nesse momento, uma saída para o encontro com o distinto, com o diferente; para o resgate do rosto dos pobres, das culturas e para o anúncio de vida em plenitude, para dizer que o Reino de Deus está chegando em nosso meio!

Um bom domingo, uma feliz reflexão! Que o projeto das cores do arco-íris possa ser resgatado em nosso meio.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

1º domingo da Quaresma - Ano B - Convertei-vos e crede no Evangelho - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV