Dezenas de refugiados morrem em travessia do Mediterrâneo

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Papa Francisco ataca o 'desejo de poder', a 'rigidez disciplinar' e a 'deslealdade' nas associações de fiéis, dos movimentos eclesiais e das novas comunidades

    LER MAIS
  • Vacinas, o grande golpe da Big Pharma

    LER MAIS
  • A furiosa e disfarçada guerra pela Água no Brasil

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: Cesar Sanson | 11 Julho 2012

A Acnur, a agência de refugiados da ONU, afirmou que 54 pessoas morreram tentando fazer a travessia do mar Mediterrâneo em um bote - da Líbia para a Itália.

A notícia é da BBC Brasil, 11-07-2012.

O único sobrevivente afirmou que todos os seus companheiros morreram de desidratação. O grupo passou 15 dias no mar. Ele afirmou ainda que a embarcação quase chegou na Itália, mas foi empurrada de volta em direção à África por ventos muito fortes, teria então começado a afundar.

O náufrago foi recolhido por pescadores na costa tunisiana. A maioria das vítimas vinha da Eritreia


Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Dezenas de refugiados morrem em travessia do Mediterrâneo - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV