Finlândia quer sua capital sem carros privados em 2025

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • Reitor da Unisinos rejeita medalha oferecida pelo Itamaraty

    LER MAIS
  • A Bíblia como vocês nunca leram

    LER MAIS
  • Carta dos epidemiologistas à população brasileira

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


22 Julho 2014

Os finlandeses pretendem ter em breve um sistema de mobilidade urbana que elimine até 2025 o uso de carros privados. Isto pode ser feito com a utilização de transporte público, computação, muitos aplicativos de smartphones e acesso universal a eles.

alt
Foto: Saf’/Creative Commons

A reportagem é de José Eduardo Mendonça, publicado pelo sítio Planeta Sustentável, 18-07-2014.

Helsinki planeja transformar sua rede de transporte público existente em um sistema ponto-a-ponto de “mobilidade sob demanda” em dez anos. Isto deverá tornar os carros privados obsoletos.

A Finlândia já tem um sistema de transporte público de ônibus e bondes bastante amplo, além de muitas ciclovias. E no ano passado implantou o Kutsuplus, esquema de uso sob demanda que o apanha onde você quer e o leva onde quiser em pequenos ônibus com custo maior que o do transporte publico regular, mas menor que o de um taxi.

O novo modelo foi inspirado pela tese de mestrado da engenheira de transportes Sonja Heikkilä. Segundo ela, os jovens adultos de hoje estão mais preocupados com percursos convenientes: “Para eles, um automóvel não é mais um símbolo de status.”

O projeto prevê que os moradores ha cidade poderão planejar seus percursos e pagar adiantado com smartphones, que agregariam diversas opções de transporte, como balsas, ônibus, trens, carros e bicicletas partilhados, bondes e táxis, proporcionando a rota mais adequada.

O maior desafio é tornar o sistema acessível a todos, uma vez que requer o uso universal de smartphones e as pessoas teriam de estar dispostas a pagar mais do que pagam pelo transporte público no momento. Ainda, as gerações mais velhas teimarão em abrir mão de seus carros, calcula Heikkilä, de acordo com a Time.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Finlândia quer sua capital sem carros privados em 2025 - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV