Pelo menos 22 imigrantes morrem em naufrágio na Grécia

Revista ihu on-line

China, nova potência mundial – Contradições e lógicas que vêm transformando o país

Edição: 528

Leia mais

Ore Ywy – A necessidade de construir uma outra relação com a nossa terra

Edição: 527

Leia mais

Sistema público e universal de saúde – Aos 30 anos, o desafio de combater o desmonte do SUS

Edição: 526

Leia mais

China, nova potência mundial – Contradições e lógicas que vêm transformando o país

Edição: 528

Leia mais

Ore Ywy – A necessidade de construir uma outra relação com a nossa terra

Edição: 527

Leia mais

Sistema público e universal de saúde – Aos 30 anos, o desafio de combater o desmonte do SUS

Edição: 526

Leia mais

Mais Lidos

  • "Pela Democracia, pelo Brasil". Manifesto contra candidatura de Jair Bolsonaro

    LER MAIS
  • Teólogos e pastores reagem a apoio evangélico a Bolsonaro

    LER MAIS
  • Apelo de Francisco: ''Que o Senhor nos ajude a reconhecer a tempo as sementes de ideologias totalitárias"

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

Por: Jonas | 06 Maio 2014

Vinte e dois imigrantes, incluindo mulheres e crianças, morreram afogados e pelo menos 10 estão desaparecidos depois que duas embarcações naufragaram perto da ilha grega de Samos, próxima à costa da Turquia, na madrugada desta segunda-feira (05/05).

 
Fonte: http://goo.gl/iDU82w  

A reportagem é publicada por Opera Mundi, 05-05-2014.

O acidente aconteceu ao leste do mar Egeu, onde um barco de 10 metros de comprimento e outro menor, de dois metros, viraram com cerca de 65 imigrantes a bordo, por causas ainda desconhecidas. Segundo as autoridades, 36 pessoas já foram resgatadas, mas elas ainda não informaram qual seria a nacionalidade dos imigrantes.

"Desde 2010 não acontecia tamanha tragédia em nossa ilha", disse à Agência Efe o prefeito de Samos, Stylianos Thanos. Esse foi o segundo incidente do gênero no país em menos de dois meses. De acordo com a Reuters, em março, sete imigrantes se afogaram após uma embarcação naufragar perto da ilha grega de Lesbos.

Frequentemente, milhares de imigrantes da África e do Oriente Médio tentam entrar na Europa pelo Mediterrâneo. A prática por via marítima – pouco segura – aumentou na região desde que a Grécia ergueu uma cerca em sua fronteira terrestre com a Turquia.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Pelo menos 22 imigrantes morrem em naufrágio na Grécia - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV