O Evangelho e o diálogo. Artigo de Antonio Spadaro

Revista ihu on-line

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Mais Lidos

  • O psicanalista analisa o "vazio de sentido". "A técnica domina, a política não decide, os jovens consomem e ponto". Entrevista com Umberto Galimberti

    LER MAIS
  • ''Estamos vendo o início da era da barbárie climática.'' Entrevista com Naomi Klein

    LER MAIS
  • Necropolítica Bacurau

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

06 Novembro 2015

Para Bergoglio, as diversas culturas, fruto da sabedoria, da memória e do coração dos povos, são um reflexo da Sabedoria de Deus. Por isso, é lugar privilegiado de mediação entre o Evangelho e os homens.

A opinião é do jesuíta italiano Antonio Spadaro, diretor da revista La Civiltà Cattolica, em artigo publicado no jornal Corriere della Sera, 05-11-2015. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Eis o texto.

O artigo reproduz – em formato revista do Santo Padre para a publicação na La Civiltà Cattolica – uma grande parte do discurso inaugural e da saudação final que o então padre Jorge Mario Bergoglio dirigiu aos participantes de um congresso internacional de teologia sobre o tema "Evangelização cultura e inculturação do Evangelho", preparado por ele e proferido na Faculdade de Teologia da Companhia de Jesus em San Miguel (Argentina) entre os dias 2 e 6 de setembro de 1985.

O encontro foi organizado para celebrar o quarto centenário (1585-1985) da chegada dos jesuítas à Argentina e contou com a participação de teólogos das Américas, da Europa, da Ásia e da África.

Bergoglio afirma aqui que as diversas culturas, fruto da sabedoria, da memória e do coração dos povos, são um reflexo da Sabedoria de Deus. Por isso, é lugar privilegiado de mediação entre o Evangelho e os homens.

Daí, na tarefa de evangelizar as culturas e de inculturar o Evangelho, a necessidade, por um lado, de uma "contemplação sapiencial das culturas" e, por outro, de "uma santidade que não teme o conflito e é capaz de constância e paciência" apostólica, vencendo com parrésia todo medo e toda forma de "extremismo do centro".

O iminente V Congresso da Igreja Italiana, que será realizado em Florença, nos dias 9 a 13 de novembro de 2015, é uma oportunidade para ler hoje essas palavras.

Confira o artigo aqui.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O Evangelho e o diálogo. Artigo de Antonio Spadaro - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV